Ads Top

Os espetáculos Pluft, o fantasminha e A Bruxinha que era Boa, em cartaz no Teatro Jardim Sul


O shopping Jardim Sul montou um festival de férias bem bacana para crianças e lazer em familia. No Teatro Jardim Sul, inseriram aos sábados de julho, às 16h, Pluft, o Fantasminha, texto de Maria Clara Machado, com direção de Theo Hoffmann. E aos domingos, A Bruxinha que era boa, da mesma autora e mesma direção.

Os dois espetáculos fazem parte da Ferbeck Produções, criada em setembro de 2017 com o intuito de revisitar textos clássicos do teatro brasileiro. A produtora que está ficando cada vez mais reconhecida pelos encantos dos cenários e figurinos que deixam não só as crianças, mas os adultos também, com os olhos brilhando. A responsável é Angela Schoendorfer, uma profissional que trabalha com materiais reciclados e faz milagres com tudo que toca. A direção leva o nome do ator e diretor Theo Hoffmann, que guia tudo com fidelidade ao texto, e junto aos atores e equipe qualificados, dão vida e magia no palco.

Pluft, o fantasminha
Em cartaz há 8 meses consecutivos, a peça conta a história do rapto da Menina Maribel pelo cruel Pirata Perna-de-Pau. O vilão esconde a menina no sótão de uma velha casa abandonada, onde vive uma família de fantasmas: a Mãe, que faz deliciosos pastéis de vento e conversa ao telefone com a Prima Bolha; o fantasminha Pluft, que nunca viu gente; e Tio Gerúndio, que passa o dia inteiro dormindo dentro de um baú. A trama se concentra na procura do tesouro do avô da menina, o Capitão Bonança, que morreu no mar deixando lá no fundo a sua herança e na inusitada amizade que surge entre a Menina Maribel e o Fantasminha Pluft. Os momentos de comicidade ficam por conta dos amigos de Maribel, o trio de piratas, que vai a sua procura para salvá-la.



A Bruxinha que era Boa
Ângela é uma bruxinha que sempre se atrapalha ao tentar fazer maldades, ao contrário de suas colegas da Escola de Bruxas. A bruxinha boa vive sendo alvo de piadas e sendo excluída. Após tempos de estudos chega o momento do grande teste das bruxas, a vencedora vai ganhar uma vassoura a jato e quem não passar, vai viver o resto da vida presa na Torre de Piche. Ângela não consegue disfarçar sua bondade, mas vai contar com a ajuda do novo amigo Pedrinho, um jovem lenhador com gostos bem parecidos com os dela, para tentar acabar com toda a maldade das demais. Todas querem ganhar a fabulosa vassourinha a jato. Sua nova amizade e seu jeito bonzinho não agradam o grande Bruxo Belzebu III, que promete prendê-la na Torre de Piche.

A produtora tem como objetivos, além de divertir o espectador, conduzi-lo a uma reflexão leve e agradável sobre certas dificuldades psicológicas relativas a medos, conflitos e exclusão através da força poética da autora; levar o público infanto-juvenil a experimentar, alguns pela primeira vez, a magia do teatro, conhecendo o espaço, tendo contato com os personagens, e vivenciando esta rica experiência cultural; formar novas plateias e ampliar o leque de ofertas culturais de qualidade para esse público.

SERVIÇO
PLUFT, O FANTASMINHA
Data: Sábados de Julho
Horário: 16h
Local: Teatro Jardim Sul 
Preços: R$50 inteira, R$25 meia 

A BRUXINHA QUE ERA BOA
Data: Domingos de Julho
Local: Teatro Jardim Sul 
Preços: R$50 inteira, R$25 meia

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.