Ads Top

Tudo o que sabemos até agora sobre “Natasha, Pierre e o Grande Cometa de 1812”



Natasha, Pierre and The Great Comet of 1812 é um musical de Dave Malloy baseado na quinta parte do volume dois de Guerra e Paz, obra clássica da literatura Russa, escrito por Leo Tolstoi. O trecho de 70 páginas segue o affair de Natasha Rostova com Anatole Kuragin e a busca de Pierre pelo sentido da vida.

O musical, que estreou primeiro no Off-Broadway em 2012 e depois na Broadway em 2016, recebeu 12 indicações ao Tony Awards e foi muito bem recebido pela crítica. Agora em 2018, o espetáculo ganha sua primeira versão brasileira com direção de Zé Henrique de Paula, diretor executivo do Núcleo Experimental, e Fernanda Maia como diretora musical, repetindo a parceria de sucesso dos premiados “Urinal”, “Lembro Todo Dia de Você”, e do infantil “Carrossel”. O elenco é composto por grandes nomes do teatro brasileiro como André Frateschi, Bruna Guerin e Gabriel Leone.



A produção brasileira vai ocupar um espaço inusitado, o 033 Rooftop, localizado na cobertura do Teatro Santander, na Vila Olímpia com estreia prevista para o segundo semestre.

A HISTÓRIA

No musical, descrito como uma rock opera, Dave Malloy desenha as vidas de Natasha e Pierre paralela e separadamente; eles não se encontram até a última música. Enquanto Natasha foi criada no campo com toda a tradição e propriedade de uma família aristocrática, Pierre um bastardo sem futuro, foi criado desleixadamente e apenas naturalizado filho legítimo de seu pai moribundo após a morte deste.


Ao herdar a fortuna e título do pai, Pierre se torna Conde Bezukov, e de personagem esquecido se torna o mais cobiçado partido da Rússia. Imediatamente manipulado por todos a sua volta, ele dá dinheiro a todos que o pedem na tentativa de ser uma pessoa boa e encontrar a felicidade.

Enquanto Pierre faz o seu melhor para ser o seu melhor, Natasha vai até Moscou com a prima para viver na alta sociedade pela primeira vez enquanto espera seu noivo, Andrey, que isn’t here, voltar da guerra. Em Moscou, Natasha descobre pela primeira o que é conhecer pessoas que não gostam dela, e pessoas que gostam um pouco demais. Sem parâmetros de certo e errado, ou o que é o amor, ela, assim como Pierre, confia cegamente no que todos dizem e espera fazer o que é certo. 

Enquanto isso, o cometa de 1812 se aproxima. A crença da época era de que o cometa era uma premonição, um sinal, e que trazia com si horrores sem tamanho, como a invasão de Napoleão à Rússia.

Confira o trailer da produção da Broadway:

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.