Ads Top

Halsey e o nascimento de uma nova estrela do pop (ou não)


Quando a Astralwerks apresentou Halsey ao mundo, a cantora parecia estar destinada a seguir os mesmos passos de outros contratados: ser uma artista de relativa relevância artista mas sem penetração no mainstream.

Sem grandes nomes no cast, a Astralwerks era conhecida por trazer ao público americano artistas de fora dos Estados Unidos e era, até 2015, só mais uma gravadora da cena alternativa americana.

Em 2015, Halsey explode na cena musical e seu primeiro álbum Badlands estreia na segunda posição da parada de álbuns americana: a melhor, até então, para a gravadora. O álbum rende a Halsey 2 singles de Platina, 4 de ouro e é certificado pelas mais de 1 milhão de cópias nos Estados Unidos, além de receber certificações na Austrália, Canadá e Reino Unido. Nunca um álbum da Astralwerks havia conseguido tanto.

Um ano depois, Halsey é a voz escolhida para os vocais de Closer, do due The Chainsmokers. O resultou: a primeira posição em 21 países e mais de 7 milhões de cópias vendidas nos Estados Unidos. Closer e a parceria com Bieber rendem a Halsey suas primeiras indicações ao Grammy.
O maior desafio da carreira de Ashley viria em 2017: hopeless fountain kingdom, seu segundo álbum, deveria livrar-se da maldição e manter o sucesso de seu antecessor ou sua carreira estaria fadada ao título de "one album only".

Na última década, foram poucas as mulheres que conseguiram manter seu sucesso após seu primeiro disco. Ariana Grande é um exemplo positivo, sua carreira cresceu com seu segundo álbum, My Everything. Kesha e Meghan Trainor são exemplos negativos: suas carreiras caíram drasticamente após seu estrondoso sucesso instantâneo. Na última sexta, hopeless fountain kingdom estreou no topo da parada de álbuns da Billboard, batendo seu próprio recorde como autor estréia da Astralwerks, com mais de 110 mil cópias (algo muito próximo de Badlands), além de ter recebido avaliação positiva da crítica e ter seu primeiro single, Now or Never, o maior sucesso solo da cantora, no top 10 das rádios pop.


Halsey salvou sua gravadora do ostracismo e, ao que parece, pode formar seu nome como uma das grandes estreias do mundo musical da última década. Ou não?

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.